terça-feira, 26 de maio de 2009

Gazeta Mercantil poderá não circular mais


Um dívida de mais de 200 milhões de reais pode causar o fechamento do jornal Gazeta Mercantil. O débito foi gerado por dívidas trabalhistas e pagamentos de royalties pelo uso do título. Além do fator financeiro, há outras questões que afundam o jornal como a desistência da Companhia Brasileira de Multimídia (CBM) de editar a publicação, que já existe há 90 anos.

Dessa forma, Luiz Fernando Levy, filho do fundador do jornal, Herbert Levy, teria a responsabilidade de tocar a operação. A CBM encerra assim o contrato de licenciamento para edição e comercialização do título que havia assumido em dezembro de 2003.

Segundo o jornal Estado de São Paulo, a CBM informou ainda que dará apoio financeiro a Levy caso ele queira dar continuidade ao projeto. A CBM não deu detalhes sobre o prazo da ajuda financeira. Para tranquilizar a equipe, de quase 100 pessoas, a direção da CBM disse também que pretende realocá-la em outras empresas do grupo de Tanure.

Será o fim de um dos jornais mais tradicionais da imprensa brasileira? Por que os jornais impressos estão fechando? O advento das novas tecnologias é a resposta? A falta de boa administração de recursos afunda a empresa? Qual a sua opinião? Deixe o seu comentário.
Postar um comentário