segunda-feira, 30 de março de 2009

E-mail: O perfil do consumidor brasileiro


Recebi um e-mail do amigo de trabalho, Frankly Alexandre(Zumba Comunicação), indicando a leitura do blogue "chmkt - marketing, cultura, propaganda, tendências e comportamento". Li uma postagem interessante sobre uma pesquisa do perfil do consumidor brasileiro do Ibope Mídia. Os pesquisadores entrevistaram 18.816 pessoas com idades entre 16 e 64 anos nas principais regiões metropolitanas do país. A pesquisa divide o consumidor brasileiro em 3 segmentos baseado no hábito de compras. Veja os segmentos:


FOR FUN

É o grupo mais numeroso, com 45% da população economicamente ativa. São pessoas que preferem pagamento a prazo e que, freqüentemente, fazem compras por impulso. A grande maioria é de solteiros com idade até 24 anos das classes C, D e E. Não querem assumir responsabilidades, valorizam marcas divertidas e espelham-se em personagens de novelas. Sua principal fonte de informação são as revistas.


EXPLORADORES

É formado por solteiros das classes A e B, com idade média de 32 anos. São independentes e bem informados, se interessam por acontecimentos internacionais e tem fluência na língua inglesa. Estão felizes com o padrão de vida que possuem e tem a internet como maior fonte de informações. São consumidores fiéis às marcas, e valorizam aquelas mais refinadas e inovadoras, principalmente as que facilitam as tarefas diárias. Este grupo representa 27% da população.


ANALÓGICOS

São aqueles consumidores casados, com mais de 35 anos e frequentemente acima do peso. Mais da metade é responsável por alguma criança. Procuram preços baixos e recebem grande influência dos filhos na hora de gastar. Não possuem preconceito com outras pessoas, mesmo em se tratando de orientação sexual, e gostam de participar de sorteios e promoções. Preferem marcas tradicionais e que combatem desigualdades sociais. Os analógicos correspondem a 28% dos brasileiros .


Você concorda com a pesquisa, sugere outros tipos ou segmentos de consumidores. Dê sua opinião.
Postar um comentário